A Gyptec e a Volcalis são parceiras e estão presentes na exposição “Eilleen Gray E.1027”.

A exposição, depois de ter passado pelo Mebanne Hall em Austin, no Texas (2017), Akademie der Künste, em Berlim (2019), FAUP no Porto (2019) e Euskadiko Arkitektura Institutua, em San Sebastián (2021), vai ser apresentada de 28 de novembro de 2021 a 27 de fevereiro de 2022 no Museu Nacional de Arte Contemporânea (MNAC), em Lisboa.

 

A exposição apresenta o quarto, à escala real, da casa E.1027, um dos mais icónicos projetos modernistas, da autoria da arquiteta anglo-irlandesa Eileen Gray (1878-1976). A mostra reproduz todos os elementos que compõem o quarto principal da casa E.1027, para a qual a arquiteta concebeu, não só a arquitetura do espaço, mas também praticamente todos os objetos e peças de mobiliário, criando uma obra de arte total.

 

A Gyptec e a Volcalis contribuíram para contar a história desta obra-prima da arquitetura moderna, apoiando a reprodução e execução de toda a estrutura, que foi realizada em placas de gesso Gyptec com isolamento em lã mineral Volcalis.

 

A inauguração acontece dia 27 de novembro às 17h00 no MNAC e tem entrada livre. Esta exposição conta com curadoria dos arquitectos Wilfried Wang, Peter Adam (1929-2019) e Carolina Leite (CEAU-FAUP).

A apresentação da exposição em Lisboa é uma coorganização da FAUP e do seu Centro de Estudos de Arquitectura e Urbanismo (CEAU-FAUP), do Museu Nacional de Arte Contemporânea (MNAC), The University of Texas at Austin, O'Neil Ford Chair in Architecture e  Euskadiko Arkitektura Institutua (EAI).

 

Mais informação sobre a exposição AQUI.

Partilhar